Presidente negou aumento de tributos sobre cigarro e bebidas alcoólicas.

Presidente-negou-aumento-de-tributos-sobre-cigarro-e-bebidas-alcoólicas

Presidente negou aumento de tributos sobre cigarro e bebidas alcoólicas.

No dia 24 de janeiro de 2020 o presidente da República Jair Bolsonaro negou a possibilidade de criação de um imposto sobre produtos que tragam malefícios à saúde como cigarros, bebidas alcoólicas e alimentos açucarados.

Contudo, durante sua passagem pela Índia, o presidente comentou em tom de brincadeira que a ideia não está descartada.

Origem da discussão:

O Ministro da Economia, em sua passagem por Davos, afirmou que analisou um aumento em tributos para produtos como cigarros, bebidas alcoólicas e alimentos açucarados numa eventual proposta de reforma tributária a ser apresentada pela equipe econômica.

Segundo o ministro, o sistema tributário de vários países prevê a cobrança de uma espécie de “imposto do pecado” para diminuir o consumo de determinados produtos.

Fonte: Conjur.

Acompanhe o blog da GESIF e fique por dentro de notícias e matérias sobre o conteúdo tributário e fiscal.

Share this post